Onde você está: Skip Navigation LinksPortal Agência CAIXA de Notícias > Default
Portal Agência CAIXA de Notícias
16/03/2017 15h45
TAMANHO DA LETRA
IMPRIMIR

Rede de Monitoramento Cidadão é implementada em cinco cidades

Fundo Socioambiental da CAIXA vai apoiar projetos de monitoramento de indicadores de sustentabilidade urbana

Brasil, Economia

​Monitorar e fiscalizar ações de sustentabilidade nas cidades. Este é o objetivo da Rede de Monitoramento Cidadão que será lançada a partir desta quinta-feira (16) em cinco capitais brasileiras: Palmas, João Pessoa, Goiânia, Vitória e Florianópolis.

A iniciativa faz parte da Plataforma Cidades Emergentes e Sustentáveis - CES do Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID e conta com o apoio financeiro do Fundo Socioambiental da CAIXA - FSA. A Baobá - Práticas Sustentáveis é a instituição executora do projeto que teve início em agosto de 2016.

A Rede de Monitoramento Cidadão - RMC vai proporcionar a participação do cidadão, por meio de representantes da sociedade civil organizada, no monitoramento de indicadores de sustentabilidade nas cidades beneficiadas. Para realizar o acompanhamento, a Rede vai trabalhar com uma lista de 117 indicadores, distribuídos em diferentes áreas, como segurança, energia, mobilidade, competitividade da economia, desigualdade urbana e uso do solo. Além dos indicadores da CES, a RMC vai monitorar os avanços dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODS em cada um dos municípios.

Para o Diretor de Serviços de Governo da CAIXA, Roberto Barros Barreto, a iniciativa busca incentivar a construção da cidadania com mais transparência na gestão municipal. “A parceira da CAIXA reafirma o nosso compromisso como banco público voltado à promoção da cidadania e do desenvolvimento sustentável do país”.  O FSA da CAIXA vai investir R$ 2 milhões no projeto de implementação das redes de monitoramento.

2017-03-16_fundo-socioambiental.jpgNesta quarta-feira, às 19h, no no edifício da FECOMERCIO, a Rede de Monitoramento Cidadão de Palmas será a primeira rede a ser fundada. No período da manhã, no mesmo local, ocorreu a assembleia de eleição da comissão executiva e apresentação da RMC para a sociedade local.

A metodologia das Cidades Emergentes Sustentáveis foi criada em 2010 pelo BID e é focada em cidades médias e de crescimento acelerado na América Latina e Caribe. Até o momento, 71 cidades foram beneficiadas nesses países. As cidades brasileiras selecionadas tem populações entre 100 mil e dois milhões de habitantes e já elencaram obras prioritárias para seu desenvolvimento sustentável nos próximos anos.

  • Compartilhe »
Buscar Notícia
  • Selecionar uma data no calendário.
    Selecionar uma data no calendário.
Agência CAIXA nas Redes
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    Mundiais Paralímpicos de Natação e Halterofilismo 2017 Cidade do México ganharam nova data. Confira: https://t.co/rQug0m3GAt
    7 minutos atrás
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, a #CAIXACultural Brasília promove espetáculo que enaltece o samba e a c… https://t.co/iKnXt6iex1
    13 minutos atrás
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    Nadadora paralímpica tricampeã mundial @edeniagarcia passa a competir na classe S3. Conheça a história: https://t.co/bEibQs9IWP
    66 minutos atrás