Onde você está: Skip Navigation LinksPortal Agência CAIXA de Notícias > Default
Portal Agência CAIXA de Notícias
09/05/2017 08h00
TAMANHO DA LETRA
IMPRIMIR

Gerente da CAIXA Leonardo Sampaio dá dicas de educação financeira

Especialista em finanças pessoais explica como atitudes simples podem trazer mais tranquilidade para o dia a dia e garantir a realização de projetos futuros

Brasília, Economia

Gerente-da-CAIXA-Leonardo-Sampaio-Dicas-Educacao-Financeira.jpgNão é preciso esperar o salário começar a acabar antes do fim mês para se interessar por educação financeira. “As pessoas têm uma visão deturpada de que finanças são um bicho de sete cabeças”, diz Leonardo Sampaio, especialista em finanças pessoais e gerente geral de uma agência da CAIXA em Brasília (DF). Algumas atitudes simples, defende, podem trazer mais tranquilidade para o dia a dia e garantir a realização de projetos futuros.

“Se eu ganho R$ 10 mil, não posso viver como quem ganha R$ 15 mil. Tenho que viver como quem ganha R$ 6 mil”, resume Sampaio. “Tendo uma margem, pode-se economizar para trocar de carro sem pagar juros ou juntar uma entrada maior para fazer um financiamento com uma taxa de juros menor, em um prazo mais curto”, explica.

O primeiro passo é não misturar emoções e consumo. “Em geral, quando recebe o salário, a pessoa se sente firme e vai gastar. Quando não tem mais dinheiro, sente-se frágil, depressiva. É preciso perceber essas emoções para não fazer coisas irracionais, como comprar muito mais do que pode”, afirma o gerente da CAIXA. “Não adiantar comprar no cartão um produto com 50% de desconto e não conseguir pagar a fatura. Ele vai acabar ficando muito mais caro.”

O mesmo vale para o financiamento de bens, como carros, motos e imóveis. Ao decidir comprar um veículo, por exemplo, o consumidor não pode avaliar apenas o valor das parcelas. Ele precisa incluir no cálculo os custos com abastecimento, seguro, impostos, revisões e, dependendo de onde trabalhe ou more, aluguel de garagem. “Com tudo no papel, fica mais fácil perceber se há ou não condições de adquirir aquele bem”, garante Sampaio.

Assista ao vídeo com as dicas de Leonardo Sampaio

 

 

Dívidas
Coautor do e-book Três passos simples para sair do vermelho e se libertar das dívidas, o especialista em finanças pessoais divide a estratégia para deixar os débitos para trás em três etapas. A primeira é colocar numa planilha todos os gastos da família, de um simples cafezinho às despesas com educação e moradia. “Para enxergar o tamanho do problema e buscar a solução”, ensina. A partir daí, deve-se montar um orçamento e segui-lo à risca.

“Seguir um orçamento permite que se saiba exatamente o quanto da renda líquida está sendo consumida”, explica Sampaio. Com todas as informações em mãos, chega-se ao terceiro e último passo: elaborar um plano de ação para sair do vermelho. “É fundamental não assumir novas prestações e eliminar tudo o que seja supérfluo. Pode-se, ainda, buscar uma nova atividade fora do horário da ocupação principal para gerar uma renda extra.”

Na hora de liquidar as dívidas, o consumidor deve priorizar as que cobram juros mais altos. Uma alternativa é utilizar linhas de financiamento com taxas menores para se livrar de dívidas mais caras. “Mas ele precisa estar estruturado para fazer isso. Não adianta trocar a dívida e não conseguir pagar depois”, alerta. “É preciso utilizar o crédito bancário como uma forma de alavancar objetivos. O empréstimo não pode ser uma fonte de alívio momentâneo”, finaliza. 

  • Compartilhe »
Buscar Notícia
  • Selecionar uma data no calendário.
    Selecionar uma data no calendário.
Agência CAIXA nas Redes
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    De 26/10 a 22/12, a #CAIXACultural do Rio de Janeiro apresenta a exposição “A Construção do Patrimônio”: https://t.co/ib8lWsCF81
    38 minutos atrás
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    📽️ Você sabe como apostar na #MEGASENA? Acertando seis, dos sessenta números, você pode ficar milionário! https://t.co/7na5pRGpW4
    83 minutos atrás
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    Com curadoria de Roberto Conduru, mostra “Negros Indícios” expõe trabalhos de 12 artistas afrodescendentes na… https://t.co/XdKiD41j3s
    2 horas atrás