Onde você está: Skip Navigation LinksPortal Agência CAIXA de Notícias > Default
Portal Agência CAIXA de Notícias
23/01/2019 16h20 - Atualizado em 23/01/2019 16h23
TAMANHO DA LETRA
IMPRIMIR

Caixa Cultural Recife ultrapassa marca de 1 milhão de visitantes

Espaço inaugurado em 2012 é um dos mais importantes da cidade

Recife, Cultura

2019-01-23_caixa-cultural-recife-interna-01.jpgA Caixa Cultural Recife atingiu, na última semana, a marca de 1 milhão de visitantes. Localizado na movimentada praça do Marco Zero, o espaço aberto há 6 anos e 8 meses recebe uma média aproximada de 12.500 pessoas por mês, chegando ao dobro nos meses de janeiro e julho. O público é atraído pelos projetos culturais em cartaz no espaço, entre exposições, shows, espetáculos de dança e teatro, mostras de cinema, palestras, cursos, oficinas e outras ações educativas.

O expressivo número foi alcançado durante a temporada das exposições TOZ: Cultura Insônia, cujas obras revelam uma civilização imaginária inspirada nas forças da natureza, e Farnese de Andrade: arqueologia existencial, elogiada retrospectiva do artista mineiro. Ambas permanecem em cartaz até 17 de fevereiro.

Quem também contribuiu para o alcance da marca foi o público do espetáculo Vidas Secas, da companhia teatral ítalo-brasileira Caravan Maschera, que estreou com quatro sessões esgotadas e permanece em cartaz esta semana, de quinta (24) a sábado.

"Atingir esse número é gratificante pra toda a equipe, pois reflete o empenho de todos os empregados e prestadores de serviço ao longo destes quase 7 anos. E mostra como vale a pena promover cultura de qualidade para a população", afirma Elton Rodrigues, gerente de filial de Marketing, Comunicação e Cultura de Recife.

2019-01-23_caixa-cultural-recife-interna-02.jpgA Caixa Cultural Recife foi inaugurada em 2012, ano do centenário da construção do prédio, que foi, originalmente, sede do Bank of London & South America Limited. Em 1977, foi adquirido pela Bolsa de Valores de Pernambuco e da Paraíba (BRV), que funcionou no imóvel até 2006. A partir deste ano, a CAIXA comprou o prédio e iniciou a restauração e reforma que deu origem ao que é, hoje, um dos espaços culturais mais importantes da cidade do Recife.

Desde sua abertura, o centro cultural recebeu 57 exposições, incluindo individuais de artistas como Joan Miró, Salvador Dalí, Carybé, Candido Portinari, Abelardo da Hora, Ziraldo, J. Borges, Henri Matisse, Thomie Otake, Lula Cardoso Ayres, Athos Bulcão e Arnaldo Antunes.

No teatro, foram recebidos grandes atores, renomadas companhias e espetáculos de sucesso, como Velhos, Cine Monstro, Conselho de Classe, A menina Edith e a velha sentada, Amargo Fruto – a vida de Billie Holliday, Processo de Conscerto do Desejo e Riso Nervoso. No mesmo palco, apresentaram-se diversos espetáculos de dança e celebrados artistas da nossa música, como Arthur Moreira Lima, Geraldo Azevedo, Hermeto Pascoal, Pedro Mariano, Zeca Baleiro, Zélia Duncan, Elza Soares, Gal Costa, Tom Zé, Maria Alcina, Monica Salmaso, Zizi Possi, Elba Ramalho, Leila Pinheiro, Almério, Mart'nália, Paulinho Moska, Chico César, Roberta Sá e Fernanda Takai, entre outros.

Em 2019, o espaço promete continuar com sua programação diversificada, com opções gratuitas ou a preços populares, estimulando a inclusão e a cidadania.

  • Compartilhe »
Buscar Notícia
  • Selecionar uma data no calendário.
    Selecionar uma data no calendário.
Agência CAIXA nas Redes