Onde você está: Skip Navigation LinksPortal Agência CAIXA de Notícias > Noticia
Portal Agência CAIXA de Notícias

29/04/2016 12h04 - Atualizado em 29/04/2016 12h04

TAMANHO DA LETRA
IMPRIMIR

FILMES SOBRE ARTISTAS DA MOSTRA FRIDA KAHLO TERÃO QUATRO SESSÕES GRATUITAS NO TEATRO DA CAIXA CULTURAL BRASÍLIA EM MAIO

Películas integram a programação da exposição “Frida Kahlo – conexões entre mulheres surrealistas no México” em cartaz até 5 de junho

Brasília, Cultura

​Além das obras em exposição, a mostra Frida Kahlo: Conexões entre mulheres surrealistas no México exibe filmes sobre Frida, Alice Rahon, Rara Avis (Bridget Tichenor), Jacqueline Lamba, Leonora Carrington e Remedios Varo na CAIXA Cultural Brasília. No mês de maio, as películas terão quatro sessões gratuitas no Teatro da CAIXA. A entrada é limitada à lotação do teatro e não há necessidade de retirar senha ou ingresso para essas sessões especiais, onde os apreciadores assistirão à projeção digital em tela de cinema e com maior conforto.

Os filmes seguem sendo exibidos dentro da galeria da exposição, sujeitos à lotação do espaço de projeção, mesmo nas datas em que estiverem no Teatro da CAIXA e a programação se repetirá nos mesmos horários ao longo de toda a mostra. Nesse caso, o acesso é realizado ao final da visitação, com a mesma senha usada para entrar na galeria.

A exposição de Frida na CAIXA Cultural Brasília reúne 30 obras da artista Mexicana e cerca de cem obras de outras 14 artistas mulheres nascidas ou radicadas no México. A exposição está aberta de terça a domingo, das 9h às 21h, e fica em cartaz até 5 de junho. Nas primeiras duas semanas em cartaz em Brasília, a mostra já recebeu quase 20 mil visitantes.

A visitação é feita mediante a retirada de senhas de acesso na bilheteria da CAIXA, que funciona de terça a domingo, de 9h às 20h, ou por meio de agendamento prévio no site frida.ingresse.com. Tanto no site quanto no local, a retirada de senhas de acesso é limitada a no máximo quatro por CPF.

Além dos trabalhos de Frida Kahlo – 20 óleos sobre tela e 10 obras em papel, entre desenhos, colagens e litografias – é possível ver de perto obras de María Izquierdo, Remedios Varo, Leonora Carrington, Rosa Rolanda, Lola Álvarez Bravo, Lucienne Bloch, Alice Rahon, Kati Horna, Bridget Tichenor, Jacqueline Lamba, Bona de Mandiargues, Cordelia Urueta, Olga Costa e Sylvia Fein. Todas tiveram relação pessoal com a artista e com o surrealismo, linguagem que melhor traduz o trabalho da mexicana.

Ao todo, 136 obras, entre pinturas, esculturas e fotografias, além de documentos, registros fotográficos, catálogos e reportagens, estão em exposição na CAIXA Cultural Brasília – galerias Principal e Acervo. A mostra traz ainda surpresas como uma litografia retratando Frida assinada por Diego Rivera, e as roupas e acessórios semelhantes e contemporâneos aos usados por Frida, que são um espetáculo à parte. Brasília recebeu uma roupa a mais para expor.

Programação dos filmes

3 de maio
20h:Alice Rahon (2012), com direção de Dominique e Julien Ferrandou (64 minutos)
Rara Avis – Bridget Tichenor (1985), com direção de Tufic Makhlouf (21 minutos)
21h30: Jacqueline Lamba (2005), de Fabrice Maze (120 minutos)

4 de maio
19h: The Life and Times of Frida Kahlo (2005), com direção de Amy Stechler (90 minutos)
20h30: Leonora Carrington (2011), com direção de Dominique e Julien Ferrandou (107 minutos)
Remedios Varo (2013), com direção de Tufic Makhlouf (64 minutos) 

17 de maio
17h: Alice Rahon (2012), com direção de Dominique e Julien Ferrandou (64 minutos)
18h30: Rara Avis – Bridget Tichenor (1985), com direção de Tufic Makhlouf (21 minutos)
20h: Jacqueline Lamba (2005), com direção de Fabrice Maze (120 minutos) 

18 de maio
17h: The Life and Times of Frida Kahlo (2005), com direção de Amy Stechler (90 minutos)
19h: Leonora Carrington (2011), com direção de Dominique e Julien Ferrandou (107 minutos)
21h: Remedios Varo (2013), com direção de Tufic Makhlouf (64 minutos)

Mediação de visita
O Programa Educativo CAIXA Gente Arteira disponibiliza mediação a todos os visitantes interessados. Os mediadores passaram por treinamento numa parceria da CAIXA com o Instituto Tomie Ohtake e a Pesquisadora Teresa Arcq, que assina a curadoria da mostra. Eles explicam as obras e bens culturais em exposição, de um ponto de vista mais didático, para colaborar com o visitante no desenvolvimento de uma visão crítica e construção de sentido relacionado às peças.

A mediação não é obrigatória e se o visitante quiser utilizá-la, basta seguir o fluxo de recepção e condução das pessoas no interior da galeria, que se dá em grupos de 10 a 15 visitantes por vez.
Intérpretes de libras

Outra novidade oferecida pelo Programa Educativo CAIXA Gente Arteira são as intérpretes de libras (língua brasileira de sinais), à disposição dos visitantes das 13h às 18h30. Os interessados em utilizar o serviço podem se dirigir a qualquer um dos atendentes culturais do espaço, para que acionem a coordenação do programa. Diariamente, elas atuam na visita guiada das 15h e também podem ser solicitadas pelas escolas já agendadas para as visitas educativas do programa.

Oficinas infanto-juvenis de Selfie

Nos meses de abril e maio, o Programa Educativo CAIXA Gente Arteira oferece a oficina de Selfies inspirada na artista Frida Kahlo. Hoje, com o uso de smartphones, as selfies – autorretratos usados em redes sociais como forma de expressão da rotina dos jovens e adultos – se tornaram uma forma contemporânea de expressão.

A artista mexicana ficou mundialmente conhecida exatamente por fazer autorretratos. Nesta oficina, as crianças que estiverem na CAIXA Cultural Brasília aos sábados e domingos farão sua selfie com tinta e lapis de cor aquarelável, desenhando enquanto se olham em espelhos.
Para os agendamentos mensais de visitas escolares e de grupos, que ocorrem de terça a sexta, às 10h, 11h e 15h, verifique a disponibilidade pelo e-mail supervisao.df@gentearteira.com.

Frida e a atmosfera criativa

Nascida em 6 de julho de 1907, em Coyoacán, México, onde morreu em 13 de julho de 1954, Frida Kahlo pintou, durante toda a sua vida, apenas 143 telas. Das 20 pinturas de Frida expostas na CAIXA Cultural Brasília, seis são autorretratos. A artista aparece ainda em outras duas telas, El abrazo de amor del Universo, la terra (México). Diego, yo y el senõr Xóloti (1933) e Diego em mi pensamiento (1943), além de uma litografia Frida y el aborto (1932).

Imagens de Frida Kahlo estão presentes ainda nas fotografias de Nickolas Muray, Bernard Silberstein, Hector Garcia, Martim Munkácsi, e na litografia Nu (Frida Kahlo) (1930), de Diego Rivera, expostos na mostra.

A confluência dos grupos de exiladas europeias – como a inglesa Leonora Carrington, a francesa Alice Rahon, a espanhola Remedios Varo, a alemã Olga Costa (nascida Kostakovski) e a fotógrafa húngara Kati Horna, além das artistas que vieram dos Estados Unidos, como Bridget Tichenor e Rosa Rolanda, permanecendo no México o resto de suas vidas, e de outras visitantes vinculadas ao surrealismo, atraídas pelas culturas ancestrais mexicanas, como as francesas Jacqueline Lamba e Bona Tibertelli, e a norte-americana Sylvia Fein – favoreceu a atmosfera criativa intelectual e uma completa rede de relações e influências com Kahlo e demais artistas mexicanas. Essa multiplicidade cultural, somada à estratégia surrealista da máscara e da fantasia, permitiram abordar o tema da identidade e de gênero.

Sobre a Curadora

Historiadora de arte, Mestre em Museologia e Gestão em Arte e em Arte Cinematográfica pela Universidade de Casa Lamm na Cidade do México, Teresa Arcq trabalhou como curadora chefe do Museu de Arte Moderna da Cidade do México entre 2003 e 2006. Foi cocuradora da exposição A Arte de Mark Rothko – Coleção da The National Gallery of Art, e de várias exposições do acervo permanente, destacando-se a de Remedios Varo. A partir de 2007, como curadora independente produziu para o Museu de Arte Moderna da Cidade do México Remedios Varo – Cinco Chaves e Alice Rahon – Uma surrealista no México, que também foi apresentada no El Cubo, em Tijuana.

Arcq é professora de História da Arte no Centro de Cultura Casa Lamm, publicou vários ensaios e faz palestras sobre arte moderna mexicana, movimento avant-garde europeu e mulheres surrealistas no México, Estados Unidos, Europa e Ásia.

Serviço:

Mostra de filmes sobre artistas da exposição Frida Kahlo – Conexões entre mulheres surrealistas no México
Local: Teatro da CAIXA Cultural Brasília (SBS Quadra 4, lotes 3/4)
Dias: 03, 04, 17 e 18 de maio de 2016
Horário: Verifique a programação e horário de filmes na bilheteria do Teatro
Entrada franca limitada à lotação do teatro
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes) | Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais

Exposição Frida Kahlo – Conexões entre mulheres surrealistas no México
Entrada franca (Retirada de senhas e marcação disponíveis na bilheteria da CAIXA Cultural Brasília, de terça a domingo, das 9h às 20h, ou por meio de agendamento no site frida.ingresse.com, limitados a quatro por CPF)
Local: CAIXA Cultural Brasília (SBS Quadra 4 Lotes 3/4) – galerias Principal e Acervo
Visitação: até 5 de junho de 2016
Horário: de terça-feira a domingo, das 9h às 21h
Classificação indicativa: Livre
Acesso para pessoas com deficiência
Patrocínio: Caixa Econômica Federal e Governo Federal
Idealização e coordenação geral: Instituto Tomie Ohtake
Realização: Ministério da Cultur a
Contato: Carmem Moretzsohn | (61) 8142-0111 | objetosim@gmail.com

Oficinas infanto-juvenis do Programa Educativo CAIXA Gente Arteira – Selfies
Local: CAIXA Cultural Brasília – Galeria Piccola
Dias: sábados e domingos de maio, às 16h e 17h (abertas ao público)
Duração: 30 minutos
Vagas: 45 vagas (entrada franca, participação por ordem de chegada)
Contato: Silvia Turina | orientacao.df@gentearteira.com | 61 3206-9892
29/04/2016

Assessoria de Imprensa da CAIXA Cultural Brasília (DF)
caixa.gov.br/agenciacaixadenoticias | imprensa@caixa.gov.br | @imprensacaixa

Alessandra Flach
Assessora de Imprensa da CAIXA Cultural Brasília
alessandra.flach@grupoinforme.com.br
caixa.gov.br/cultura

  • Compartilhe »
Buscar Release
  • Selecionar uma data no calendário.
    Selecionar uma data no calendário.
Agência CAIXA nas Redes
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    De 26/10 a 22/12, a #CAIXACultural do Rio de Janeiro apresenta a exposição “A Construção do Patrimônio”: https://t.co/ib8lWsCF81
    40 minutos atrás
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    📽️ Você sabe como apostar na #MEGASENA? Acertando seis, dos sessenta números, você pode ficar milionário! https://t.co/7na5pRGpW4
    85 minutos atrás
  • ImprensaCAIXA ‏@ImprensaCAIXA
    Com curadoria de Roberto Conduru, mostra “Negros Indícios” expõe trabalhos de 12 artistas afrodescendentes na… https://t.co/XdKiD41j3s
    2 horas atrás